«And some people say that it's just rock 'n' roll. Oh but it gets you right down to your soul» NICK CAVE

sexta-feira, dezembro 18, 2009

Derrocadas frequentes no acesso ao Jardim do Mar e Paúl do Mar 3

Os pedregulhos (exemplos de 04.10.2009 e 10.07.2009) falam por si, mas os pedidos e o abaixo-assinado subscrito pela população de nada têm valido.

Na inauguração da cara “promenade” do Jardim do Mar, disse-se que a freguesia ficava «mais segura», evitando-se a evidência de que o perigo não vinha do mar mas sim do penhasco sobranceiro à estrada de acesso. A segurança das pessoas deveria estar em primeiro lugar.

Os milhões que se gastaram na "promenade" do Jardim do Mar, que trouxe mais prejuízos do que benefícios, deveriam ter sido gastos na segurança do acesso a esta localidade e à freguesia do Paúl do Mar, quem sabe se com uma série de pequenos túneis que evitassem as zonas mais perigosas, como se fez no norte da ilha.

Em 14.02.2008, o Diário deu conta que o «Povo pede um túnel» mas «nem um Abaixo-assinado a pedir protecção contra derrocadas valeu no Jardim do Mar» e Paúl do Mar.

«A escarpa sobranceira à estrada regional ameaça desabar e o povo reclama uma ligação em túnel que sirva de alternativa ao centro da freguesia», continuava a notícia. «Quase invariavelmente, as épocas de chuvas, conjugadas com algumas abertas de sol, provocam queda de pedras da escarpa que tombam sobre a estrada entre o Estreito da Calheta e o Jardim do Mar.

«As marcas no asfalto não deixam margens para dúvidas sobre o perigo diário a que os utentes da via estão expostos. Diversos moradores afirmam que vão-se conformando com este estado de sítio. "De nada valem os nossos pedidos".»

«Nem mesmo o abaixo-assinado levado a efeito e entregue às autoridades ainda antes da construção do túnel de acesso ao Paul do Mar e do passeio marítimo ter sido erguido junto ao litoral serviu.»

A citada notícia refere que as «opiniões até nem se dividem muito na pequena comunidade jardineira. Um túnel ou mais é a solução que reúne maior consenso entre a população. Aliás, aquando da construção do túnel de acesso ao Paúl do Mar, os jardineiros pensaram que uma das bocas de saída da infra-estrutura ficaria mais a norte, desviada da área onde tradicionalmente ocorrem as derrocadas.»

Manuel Baeta, presidente da Câmara Municipal, «considerou legítima a aspiração dos populares. Na última reunião de Câmara, o autarca assumiu que "a zona é um tanto ou quanto perigosa", mas garantiu que, a haver uma intervenção, é completamente impensável ser suportada pelos cofres da autarquia.» Bold

Recorde-se:
Derrocadas frequentes no acesso ao Jardim do Mar e Paúl do Mar 2 (Pedras em 04.10.2009)
Derrocadas frequentes no acesso ao Jardim do Mar e Paúl do Mar 1 (Pedras em 15.12.2009)
Jardim do Mar «mais seguro»?
Segurança das pessoas deveria estar em primeiro lugar (Pedras em 10.07.2009)
Derrocadas

1 comentário:

  1. Estrada Jardimdo do Mar estreito da calheta autentica ratueira.

    ResponderEliminar